Seja bem vindo !
CULTS E RARIDADES MUSICAIS
UM SITE DIRECIONADO A QUEM PROCURA DICAS E INFORMAÇÕES SOBRE MÚSICAS E LANÇAMENTOS EM CD DE GRUPOS E/OU INTÉRPRETES CONSIDERADOS "CULTS" OU ELITISTAS E DE ALTÍSSIMA QUALIDADE, EM TODAS AS ÁREAS DA MÚSICA POPULAR: ROCK ALTERNATIVO(INDIE), INDIE LO-FI, JAZZ, BOSSA NOVA, MÚSICA ELETRÔNICA, R&B, WORLD MUSIC, ETC...
Tradutor do Google
CURTA nossa pĂĄgina no Facebook

TOP 10

     " Clique abaixo na mĂșsica
      escolhida para escutĂĄ-la "

DISCOS DO MÊS

SHOWS

ALTA FIDELIDADE

TELEGRÁFICAS URGENTES

HALL OF FAME

ARTES E CINEMA

BIOGRAFIAS

FILOSOFIA, POLÍTICA, SAÚDE & OUTRAS CIÊNCIAS

POESIAS PESSOAIS

OUTRAS RESENHAS

NEW AGE

ARTES & CINEMA
10/05/2015

A Cinebiografia de um episĂłdio da vida de Martin Luther King Jr.

"SELMA"


"SELMA"

 

 

 

O pastor protestante e ativista social, Martin Luther King Jr. , uma das figuras mais emblemáticas do século XX, aceitou o Prêmio Nobel da Paz, em 1964, em honra daqueles que atravessaram longos séculos sobrevivendo ao racismo, à crueldade e à opressão das classes sociais dominantes no Novo Mundo, sobretudo na América do Norte e no Brasil e também pelos mais de 20 milhões de negros que, motivados pela dignidade – e, em alguns casos, pagando coma própria vida – sustentaram a esperança de que a igualdade racial um dia deixaria de ser um sonho e se tornaria realidade.

 

Tal realidade, mais do que consubstanciada com a eleição e reeleição de um negro, Barack Obama, para dirigir os destinos da nação mais poderosa e influente do planeta, foi um longuíssimo e árduo caminho!

 

“Selma”, o filme, foca em um episódio dessa trajetória, mais especificamente o que retrata a luta desse paladino da luta pacífica dos negros americanos pelo direito ao voto, um momento menos midiático, mas nem por isso menos importante na vida desse grande líder político; em movimentos estrategicamente planejados e na mesma trilha de não-violência deixada por Mahatma Gandhi, o Dr. King ( David Oyelowo, em excelente atuação, na qual evita idealizar o personagem, fugindo das grandes cenas de emoção e catarse, mas apelativas, algo absolutamente desnecessário para a figura ímpar de Martin Luther King ), estabeleceu-se em Selma, uma pequena cidade no Alabama – justamente um dos estados mais segregacionistas e racistas dos EUA -, escolhida por ter um chefe de polícia truculento em um estado, cujo governador, à época , era conhecido por sua postura fortemente racista, e coordenou marchas silenciosas e pacíficas, em manifestações inicialmente reprimidas com a previsível brutalidade, mas por serem inteligentemente acompanhadas pela mídia (TV e jornais), acabaram por gradualmente conquistar a adesão da maioria branca.

 

Tais movimentações culminaram com a marcha de 05 dias entre Selma e Montgomery, que pela forte repercussão, levaram o Presidente Lyndon B. Johnson a sancionar o decreto que extinguiu as restrições raciais ao voto eleitoral e, pela sua importância, tornou-se uma das maiores manifestações pela Liberdade na história do ativismo social e racial.

 

 

 

 







45 post(s) encontrado(s)

[1] [2] [3] [PrĂłxima]


REDE SOCIAL


CURTA nossa pĂĄgina no Facebook    

NAVEGAÇÃO

CONTATO

 

PAULO MONTEIRO

(11) 98664-8381

(48) 9629-4000

cultseraridades@gmail.com