Seja bem vindo !
CULTS E RARIDADES MUSICAIS
UM SITE DIRECIONADO A QUEM PROCURA DICAS E INFORMAÇÕES SOBRE MÚSICAS E LANÇAMENTOS EM CD DE GRUPOS E/OU INTÉRPRETES CONSIDERADOS "CULTS" OU ELITISTAS E DE ALTÍSSIMA QUALIDADE, EM TODAS AS ÁREAS DA MÚSICA POPULAR: ROCK ALTERNATIVO(INDIE), INDIE LO-FI, JAZZ, BOSSA NOVA, MÚSICA ELETRÔNICA, R&B, WORLD MUSIC, ETC...
Tradutor do Google
CURTA nossa pĂĄgina no Facebook

TOP 10

     " Clique abaixo na mĂșsica
      escolhida para escutĂĄ-la "

DISCOS DO MÊS

SHOWS

ALTA FIDELIDADE

TELEGRÁFICAS URGENTES

HALL OF FAME

ARTES E CINEMA

BIOGRAFIAS

FILOSOFIA, POLÍTICA, SAÚDE & OUTRAS CIÊNCIAS

POESIAS PESSOAIS

OUTRAS RESENHAS

NEW AGE

COISAS DA RITA
27/08/2016

S A B E D O R I A


S A B E D O R I A

 

 

 

 

Depois de um dia de caminhada pela mata, mestre e discípulo retornavam a seu casebre seguindo por uma longa estrada. Ao passarem próximo a uma moita de "samambaia" ouviram um gemido.

Verificaram e descobriram caído um homem. Estava pálido e com uma grande mancha de sangue próximo ao coração. O homem tinha sido ferido e já estava próximo da inconsciência. Com muita dificuldade, mestre e discípulo carregaram o homem para o casebre rústico onde trataram do ferimento.

 

Resultado de imagem para o mestre zen e o homem ferido

Uma semana depois, já restabelecido, o homem contou que havia sido assaltado e que ao reagir, fora ferido por uma faca. Disse que conhecia o seu agressor e que não descansaria enquanto não se vingasse. Disposto a partir, o homem disse ao sábio:"Senhor, muito lhe agradeço por ter salvado a minha vida! Tenho que partir e levo comigo a gratidão por sua bondade. Vou ao encontro daquele que me atacou e vou fazer com que ele sinta a mesma dor que senti". O mestre olhou fixo para ao homem e disse: "Vá e faça o que deseja, entretanto devo informá-lo que você me deve 3.000 moedas de ouro como pagamento pelo tratamento que lhe fiz". O homem ficou assustado e disse: "Senhor é muito dinheiro, sou um simples trabalhador e não tenho como lhe pagar este valor!" 

 

Daí, o mestre disse-lhe: "Se não pode pagar pelo bem que recebeu, com que direito quer cobrar o mal que lhe fizeram?" O homem ficou confuso e o mestre concluiu: "Antes de cobrar alguma coisa, procure saber quanto você deve. Não faça cobrança pelas coisas ruins que te acontecem nesta vida, pois a vida pode te cobrar tudo que você lhe deve e com certeza você vai pagar muito mais caro!"

 

 

REFLEXÃO:

"O vento que às vezes tira algo que amamos é o mesmo que nos traz algo que aprendemos a amar... Por isso não devemos chorar pelo que nos foi tirado e sim aprender a amar o que nos foi dado... Pois tudo aquilo que é realmente nosso, nunca se vai PARA SEMPRE!"

 

 

Resultado de imagem para o mestre zen e o homem ferido

 

 






51 post(s) encontrado(s)

[1] [2] [3] [PrĂłxima]





Fale com a Rita:




REDE SOCIAL


CURTA nossa pĂĄgina no Facebook    

NAVEGAÇÃO

CONTATO

 

PAULO MONTEIRO

(11) 98664-8381

(48) 9629-4000

cultseraridades@gmail.com