Seja bem vindo !
CULTS E RARIDADES MUSICAIS
UM SITE DIRECIONADO A QUEM PROCURA DICAS E INFORMAÇÕES SOBRE MÚSICAS E LANÇAMENTOS EM CD DE GRUPOS E/OU INTÉRPRETES CONSIDERADOS "CULTS" OU ELITISTAS E DE ALTÍSSIMA QUALIDADE, EM TODAS AS ÁREAS DA MÚSICA POPULAR: ROCK ALTERNATIVO(INDIE), INDIE LO-FI, JAZZ, BOSSA NOVA, MÚSICA ELETRÔNICA, R&B, WORLD MUSIC, ETC...
Tradutor do Google
CURTA nossa página no Facebook

TOP 10

     " Clique abaixo na música
      escolhida para escutá-la "

DISCOS DO MÊS

SHOWS

ALTA FIDELIDADE

TELEGRÁFICAS URGENTES

HALL OF FAME

ARTES E CINEMA

BIOGRAFIAS

FILOSOFIA, POLÍTICA, SAÚDE & OUTRAS CIÊNCIAS

POESIAS PESSOAIS

OUTRAS RESENHAS

NEW AGE

OUTRAS RESENHAS & CRÍTICAS DIVERSAS
08/05/2017

Artigo de Paulo Monteiro

PORQUE NÃO SE CRITICA O COMUNISMO COMO SE CRITICA O NAZISMO?


PORQUE NÃO SE CRITICA O COMUNISMO COMO SE CRITICA O NAZISMO?

 

 

 

 

 

 

 

Essa é a pergunta que me faço TODOS OS DIAS, para a qual não consigo encontrar resposta cabível ante o absurdo que representa tal paradoxo.

 

Não busco tais respostas entre os que foram contaminados por esse vírus criado pelo mais hediondo Agente das Trevas que já passou por este Plano, Karl Marx, e esmerilado pela mente perversa de Antonio Gramsci.   

http://www.cultseraridades.com/telegraficas-detalhe.php?id=118&QUEM++FOI++ANTONIO+++GRAMSCI%3F+++%281891+-+1937%29

 

Seria um esforço em vão perseguir tal objetivo, quando se sabe que a cartilha perniciosa e as táticas, até aqui bem sucedidas, dos marxistas, repetidas à exaustão quando e onde quer que suas idéias encontrem terreno fértil para vicejar, parte da simples Sedução Ideológica inicial dirigida a alvos estratégicos – escolhidos individual ou coletivamente – e é composta por uma delicada teia que deturpa os perfeitos silogismos aristotélicos através de sedutores e empolgantes sofismas de difícil detecção para uma mente mais desavisada. Arrebanhada a vítima, os Agentes das Sombras evoluem para a Programação Neurolinguística, idealizada por Gramsci, que disciplina o Controle do Poder, o Aparelhamento do Estado e o Domínio Psicológico sobre as multidões e, finalmente, para a hipnose e a coerção pura e simples das massas, concluindo-se, finalmente, o processo de Poder e Controle com o amordaçamento de qualquer oposição ou com o extermínio e dizimação radical de quem a eles se opuser. Mao, Stalin, Che Guevara, Fidel Castro, Lula/Dilma  "et caterva" estão aí devidamente registrados no Livro Negro do Comunismo e até em qualquer compêndio de História para lhe comprovar isso. Sim, eu incluí Lula e Dilma nessa lista maldita. Não que Lula seja de fato, no rigor da palavra, um comunista. Para falar a verdade, há dúvidas até que Fidel Castro tenha de fato sido ideologicamente um comunista. O que importa é que, ambos, sendo ou não, abraçaram a causa. Na real, Lula, o “filho do brasil”, é apenas um “pobre diabo”, com muita lábia e oportunismo, que vendeu a alma ao diabo para viabilizar seus projetos pessoais de enriquecimento e de poder. Muito pouco, convenhamos, mesmo com toda a dinheirama por ele embolsada, pois nada neste mundo paga uma opção tão maldita quanto essa. E a colheita do que ele semeou está apenas começando agora, caso alguém ainda pense que o crime compensa. Quanto a Dilma, a famigerada companheira Wanda, ou Estela, ou Maria Lúcia, ou sei lá quantos outros codinomes ela adotou nos disfarces de seu passado terrorista, que diz bem quem ela é, foi cúmplice perfeita desse jogo amaldiçoado que quase leva um país ao abismo. No entanto, só mesmo petista roxo e seus similares duvida que os danos causados por esses dois a milhões de brasileiros - e é tarefa inútil enumerá-los MAIS uma vez, para quem se nega a enxergar - já os credencia com méritos suficientes para posar em tão "ilustre" companhia.

 

Não é de espantar, portanto, a negação desses adeptos servis, pois são bem conhecidas as armas que os marxistas usam com as desafortunadas vítimas de suas pregações malévolas.

 

E, por outro lado, não é alarmismo, muito menos Messianismo, ou misticismo barato como talvez queira qualificar essas minhas afirmações. Mas, se persistir em julgá-las dessa forma, fique à vontade. A escolha do campo onde quer ficar será sempre sua. Eu já escolhi o meu.

 

Não imagine, nem por um segundo apenas, que essa luta ocorre pela defesa de um simples e prosaico conflito ideológico. Isso seria fazer o jogo deles e o que eles querem que você acredite. Se fosse apenas isso, você tem alguma dúvida de que qualquer defensor do capitalismo ou do liberalismo teria alguma dificuldade em aplanar as diferenças através de uma discussão lógica e desapaixonada e certamente se teria chegado a um consenso com os defensores do Socialismo, sem muitas dificuldades? Afinal, que teórico defensor do liberalismo capitalista, no perfeito domínio de suas capacidades intelectuais, negaria a importância de garantir os Direitos básicos de Saúde, Educação e Transportes, por exemplo, a toda a população?  Que Teórico Capitalista ousaria negar a necessidade de conter a sanha e a usura das Instituições Financeiras e dos grandes conglomerados? Quem deles, em sã consciência, refutaria a necessidade de uma Distribuição mais justa de Renda, que, sem punir os mais capazes e mais esforçados, preservasse a dignidade de sobrevivência de todos os cidadãos? Use a lógica e a racionalidade para pensar, porque essa é a falácia que “eles” querem que você compre e acredite, para disfarçar o que de fato pretendem.

 

Na verdade, entenda de uma vez por todas: esse conflito é algo extremamente mais grave e que transcende o espaço físico das discussões humanas. Mas, caso tenha preguiça de se aprofundar ou apenas duvide, simplesmente OBSERVE o cotidiano e o meio que nos rodeia e tire as suas próprias conclusões: 

 

Quem de nós não sabe como age um Petista e um Comunista? Quem de nós não sabe o quanto eles são imunes a qualquer argumento lógico, racional e fundamentado na mais pura exposição de fatos, atos e estatísticas? Quem de nós não percebe a obstinação cega e insana e o extremismo que eles usam para defender seus pontos de vista? Quem de nós não percebeu ainda o fervor robótico com que eles tentam destruir a própria realidade dos fatos mais comezinhos e notórios que contrariarem suas falácias, para criar verdadeiros surtos psicóticos de uma fantasia que só existe em suas mentes doentias? Quem de nós não percebeu ainda as táticas melífluas e venenosas em nome das quais se infiltram em todos os principais órgãos de Poder, nos meios de comunicação e disseminam sua semente fétida no seio generoso e receptivo dos jovens das nossas Universidades? Quem de nós não percebeu ainda a atuação desses agentes utilizados pelas Trevas para fazer valer seus interesses escusos, que afrontam a Ordem, a Justiça e o Bem e são contrários à vontade do povo e da Nação?

 

Provavelmente só alguém que nos últimos anos tenha vivido em outras esferas extraterrestres é que não terá observado isso. No entanto, para esses Irmãos apanhados na teia malévola da pregação Socialista Comunista, resta-nos apenas a compaixão e as orações para que a Luz da Verdade algum dia penetre em suas mentes doentes. Deixemos o julgamento desses irmãos enfermos para o Criador, pois apenas cada um de nós - e todos nós, sem exceção - é responsável e responderá por suas escolhas e só a Ele cabe o supremo julgamento, aquele que não permitirá nenhum tipo de atenuante, dúvida ou senão.

 

Essa pergunta, que permanece sem resposta perante a gravidade do tema, portanto, cabe a todo o resto que permanece indeciso e/ou omisso perante esse assunto. Que é sério, acredite. Muito, mas muito mais sério do que você imagina ou possa duvidar em seu inútil e nocivo ceticismo, caso ele ainda persista.

 

Pois os sinais são bem claros e o perigo continua a rondar-nos e está cada vez mais perto e invadindo o nosso cotidiano, caso ainda não tenha se apercebido disso. E repito enfaticamente: não se trata apenas de um mero confronto ideológico, como talvez numa visão superficial você possa ser levado a pensar. O confronto ideológico até existe, é válido, fundamentado e permite uma discussão racional e desapaixonada sobre os vários pontos de vista conflitantes envolvidos. Afinal, ninguém é dono da verdade. Mas, não se trata absolutamente disso.

 

Pois, sob a capa desse conflito de opiniões, natural e humano, disfarça-se traiçoeiramente a peçonha letal da Inverdade e do Mal. Aproveitando-se de tal manto protetor perfeito, esconde-se, nas profundezas, um conflito mais sutil que transcende o campo limitado das meras diferenças ideológicas humanas. Esconde-se a tentativa das Sombras de confrontarem a Harmonia Cósmica e imporem seu domínio à Humanidade. E o Socialismo Comunista com suas premissas sedutoras, mas utópicas, sobre a defesa do Social, proporcionou ás Trevas o disfarce perfeito para atingir os objetivos deles. E o mundo reluta em separar o trigo do joio. Por quê? Excesso de cegueira ou excesso de autoconfiança?

 

Sobre tal tema, escrevi há muitos anos atrás uma poesia denominada “Máscaras”, incluída em meu primeiro livro de poesias, de 1987, “Círculos Concêntricos”, cuja estrofe transcrevo aqui:

 

Palavras, vãs e fortuitas palavras /  Monstros encarcerados num açude /  O vício veste a capa da virtude /  E faz a pureza passar-se por ladra”   (Paulo  Monteiro)

 

É disso que se trata. O Nazismo já cumpriu seu objetivo nefando, semeando seu cortejo de horrores e perdeu sua letalidade graças à eficiente - embora tardia, nunca é demais lembrar e repetir - exposição de seus horrores e à decisiva tomada de posição das massas. Agoniza hoje em inexpressivos segmentos e só causa asco e repulsa na grande maioria dos cidadãos do Bem. Restou exatamente o velho e fracassado Comunismo, travestido com uma roupagem mais vistosa e enganadora, para se transformar na arma mais poderosa utilizada pela Central Marxista - ou como quer que ela agora se denomine, já que os cérebros que encampam essa Ideologia são peritos na arte do disfarce e da dissimulação, pois disso depende inteiramente a sobrevivência deles – a serviço das Sombras.

 

Para deixar mais clara ainda a Origem sombria, articulada e extrafísica que abortou para este nosso Plano o ideário nazista, basta você reparar que um dos principais alvos da sanha homicida dos agentes do III Reich foi justamente o povo judeu. Não por acaso um povo conhecido por sua altíssima evolução intelectual e pelas numerosas contribuições em prol da Humanidade. Acha que foi por acaso que os judeus estiveram e estão ainda na mira dos Exércitos das Sombras? Pois saiba que não existe absolutamente nada por acaso no Cosmos. Nem mesmo o Mal Absoluto. E o reino do invisível está aí, estendendo sua esfera de influência sobre o planeta Terra – para o Bem ou para o Mal – indiferente ao seu ceticismo e à sua eventual descrença.

 

Sim, caro amigo, a secular tentativa do Mal tentar sobrepujar o Bem está longe de terminar e continua a ser fomentada nas usinas pantanosas do Plano Invisível para estender seus tentáculos ao assim chamado Mundo Material dos encarnados, e sua ação independe totalmente de você acreditar ou não nisso.

 

Com o desbaratamento e ocaso da barbárie nazista, as Trevas criaram uma ideologia ainda mais sutil, devastadora e nociva: o Socialismo Comunista. Que ainda está aí, vivíssimo e cada dia mais pujante e atuante, sempre com o mesmo objetivo: estancar o avanço evolutivo da Humanidade e semear o máximo de Horror por onde passar. Inteligente, melífluo e apátrida, o Socialismo instalou-se, volátil e multiforme, até no coração das cultas Sociedades Capitalistas da Europa e da América do Norte, infiltrando-se e confundindo-se sob a capa aparentemente inofensiva do multiculturalismo, do politicamente correto, do humanitarismo e tentando, sempre que pode e que lhes é permitido, cativar com seu canto sibilino os por vezes ingênuos, bem intencionados e quase sempre pouco atentos defensores do Social, dos fracos e dos oprimidos, que, por não saberem separar o trigo do joio, não se apercebem na maioria das vezes que estão dando guarida e sustentação, também, à serpente gestada nos lamaçais sombrios das Trevas. Tal é o rico e mal guardado campo de colheita onde pasta e se refestela a Serpente.

 

Aproveitando-se das porteiras deixadas escancaradas pela tibieza, pela insegurança e incúria dos mais recentes governos das potências ocidentais, envenenados pelas falácias esquerdistas, a Ideologia Comunista ganhou força e ampla mobilidade no Continente Sul-Americano, sobretudo via Foro de São Paulo, a Organização Comunista fundada por Lula e Fidel Castro, e hoje mundialmente identificada, aproveitando-se, também, do desconhecimento, da incredulidade, da omissão e, como sempre, do idealismo mal direcionado de alguns segmentos. A História sempre se repete. Nós é que teimamos em não prestar atenção.

 

Os resultados, particularmente no que tange ao Brasil, todos nós estamos acompanhando e sentindo na pele, embora alguns ainda teimem em atribuí-los a outras causas: corrupção, incompetência, aliança com a escória da Humanidade, desgoverno, etc. Mas, não se iluda. A árvore de onde procedem todos esses frutos anormalmente apodrecidos é exatamente a mesma: só variam as suas florescências. E não pense que o perigo que ameaça o país foi afastado com o “impeachment” de Dilma Rousseff, ou com a eventual condenação de Lula. A penetração ideológica em escolas, sindicatos e universidades foi longe demais e por um período de tempo muito longo; e o aparelhamento dos principais órgãos de Poder do país foi extenso e profundo demais. Basta você acompanhar superficialmente o que se passa nos noticiários atuais para perceber a atuação e as garras bem visíveis dos agentes cooptados por essas forças. A luta está apenas começando e, sem a sua colaboração e participação ativa, ela se tornará muito mais difícil de ser ganha. E o tempo urge para todos, pois o país agoniza em crise, enquanto você optar por permanecer na zona de conforto. 

 

No entanto, e apesar disso, relutamos em querer admitir o óbvio. Sequer ainda nos apercebemos da seriedade do perigo que nos ronda, iludidos sabe Deus por quantos e quais véus a toldar-nos a visão e entorpecer-nos os mais básicos sentidos de sobrevivência. Caminhamos cegamente como bois para um matadouro, até que a visão dos inevitáveis horrores esteja tão próxima que se torna quase impossível evitar-lhes as conseqüências mais terríveis. Até quando?

 

Até quando continuaremos sem perceber que, devido à extraordinária capacidade de dissimulação que lhe permite iludir um imenso contingente de pessoas, o Comunismo é a Matriz piorada de onde bebeu o Nazismo? Até quando hesitaremos em situá-lo no mesmo rol demoníaco onde foi gestado o Nazismo? Até quando permanecerá essa pergunta sem uma resposta plausível e lógica: porque razão não se critica o comunismo da mesma forma que se critica o nazismo? Será de fato necessário que cheguemos aos últimos degraus de descida para o Inferno e enfrentemos as conseqüências de tais escolhas, para nos apercebermos da verdade?

 

Não se trata de demonizar pessoas. Longe disso. Eu mesmo tive e tenho colegas e até amigos da melhor qualidade que, lamentavelmente, foram seduzidos por essa ideologia malévola. Mas que, no entanto, juram de pés juntos que são os portadores da verdade e do bem. E o que é mais triste e assustador: plenamente convencidos disso. Esse é o jogo de espelhos invertidos, o sutil estratagema utilizado pelas Trevas, aquele que induz maliciosamente a pessoa a acreditar estar no paraíso, quando de fato está no inferno, como bem exemplificou Simone Weil.

 

Seria o mesmo erro de querer demonizar o povo alemão sob o jugo de Hitler e seus asseclas. Será que todos os alemães eram pessoas do mal, nazistas convictos e assassinos perversos enquanto transportavam suas vítimas para os fornos crematórios de Auschwitz?  Você acredita nisso? Você consegue responder a essa pergunta? Com certeza, não. A imensa maioria desses robóticos sonâmbulos deve ter sido um dia alguém como eu e como você, antes de ser inebriado e seduzido pelas forças do Mal. No final, restou-lhes dizer: “eu estava apenas cumprindo ordens”.

 

Trata-se, sim, de demonizar uma ideologia, por inteiro. Sem subterfúgios. Sem contemplações. Sem direito a polêmica, discussão ou qualquer tipo de defesa. Imaginar ou pretender que o Comunismo Socialista seja apenas uma Ideologia, com muitas imperfeições, como todas as outras, é ingenuidade. E desinformação demais. É querer ignorar o histórico mais perverso e hediondo que já existiu na História da Humanidade e afrontar a memória dos estimados 94 milhões de vítimas dessa Ideologia nefasta. Isso, para nem mencionar que a aplicação prática dessas teorias levou sempre a desgraça, a falta de liberdade e a miséria a bilhões – eu disse bilhões, não mais milhões – de pessoas. Insistir em não enxergar isso é desumano, psicótico até!

 

Por isso, eu afirmo e repito: o Comunismo é mil vezes pior do que o Nazismo, sim. Sabe por quê? Ambos são totalitários, destrutivos e foram criados por uma mesma fonte demoníaca, para cumprir os mesmos objetivos perversos. A diferença é que o Nazismo foi tosco, grosso e óbvio demais nas suas intenções maléficas. Por isso o seu poder de fogo e destruição pôde ser detectado e contido com mais rapidez. Já o atual modelo de Comunismo – que pouco ou nada mais tem a ver com o que vigorou na Rússia – é sutil, com o brilho de “néon” enganador de suas propostas teóricas sedutoras e utópicas, mas que guardam ainda certo “glamour” para alguns segmentos e mentes mais desavisadas; por ser muito mais burilado do que o Nazismo, seu disfarce ardilosamente vendido como alternativa ideológica viável é o instrumento perfeito para as Forças das Trevas usarem-no como a arma perfeita para conquistar o Poder e com isso potencializar exponencialmente seu rastro de horrores e destruição. Que é o verdadeiro objetivo do Exército das Sombras. Numa comparação cabível, o Nazismo seria taticamente equiparado ao leninismo, cruel e bárbaro, mas até por isso mais óbvio e facilmente detectável, enquanto o atual Comunismo seria Gramsciano, com sua tática sutil e inteligente e mil vezes mais enganador e, por isso mesmo, devastador.

 

Os fatos estão aí, límpidos e transparentes, para quem estiver com o espírito aberto para olhá-los, e são mais do que suficientes para condenar e rejeitar de uma vez por todas essa Ideologia pérfida e asquerosa. Falta você fazer isso. Ninguém mais o poderá fazer por você. Ninguém. E, enquanto você se omite, enquanto você hesita, eles avançam. Eles sabem muito bem onde querem chegar e tudo farão para tal.

 

E o que é que um simples cidadão dedicado à sua família, seus amigos e seu trabalho, quietinho no seu canto e sem fazer mal a ninguém, tem a ver com tudo isso, dir-se-á você? Bem. Provavelmente essa foi a mesma pergunta que os 06 milhões de judeus e os 05 milhões de não-judeus, vítimas do Holocausto nazista se fizeram, quando as sombras do nazismo começaram a despontar e a escurecer os céus germânicos. Houve um tempo mais do que suficiente para que todos se apercebessem disso e evitassem o avanço das Trevas. Mas, o que é que aconteceu? Todos nós sabemos de cor a resposta. Ou você precisa que lhe lembrem isso?

 

Por isso, informe-se sobre o assunto e fique atento e vigilante, sempre. O perigo espreita pelas frestas do nosso descaso e desinformação. Essa História já ocorreu e se repetiu inúmeras vezes, sempre causada pelos nossos mesmos erros e sempre com resultados trágicos para a Humanidade. Não a subestime, pois ela continuará a repetir-se, cada vez mais sutil e burilada, prosperando até causar o máximo de danos irreversíveis, sempre baseada na omissão, na incredulidade e no conformismo das massas. Esse é o plano das trevas. Pelo menos até ser exposto e banido pela correta informação, pois só o Conhecimento poderá lançar Luz e barrar definitivamente mais essa estratégia do Mal e trazer evolução e Bem-Estar a cada Ser Humano e à Humanidade, em sua jornada evolutiva, rumo a irrevogáveis futuros, mais promissores e evoluídos.

 

Não há Exército do Mal algum que possa impedir isso. Nunca houve e nunca haverá. Apenas poderão retardá-lo, se for essa a nossa escolha. Se continuarmos a permitir isso.

 

 

 

Resultado de imagem para porque hesitamos em criticar o comunismo como criticamos o nazismo?

 

 

 







80 post(s) encontrado(s)

[1] [2] [3] [4] [Próxima]


REDE SOCIAL


CURTA nossa página no Facebook    

NAVEGAÇÃO

CONTATO

 

PAULO MONTEIRO

(11) 98664-8381

(48) 9629-4000

cultseraridades@gmail.com